Como Economizar Dinheiro em 7 Passos Para Começar a Investir

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

como economizar dinheiro

Então você quer atingir sua liberdade financeira mas não começou a economizar dinheiro?

Certo, ao longo dos artigos publicados até aqui, estou procurando mudar a sua forma de pensar para que você se coloque na mentalidade certa para enriquecer.

Afinal, não adiantaria nada, eu estar falando sobre coisas técnicas e práticas se você não entendesse que estava no caminho errado.

Antes de saber em que economizar, muitas pessoas precisam ser convencidas de que precisam fazer isso se quiserem obter a independência financeira que almejam.

Claro que economizar dinheiro é apenas uma das partes do conjunto de práticas que devemos adotar para entrar em um planejamento de enriquecimento financeiro.

Um bom planejamento financeiro envolve:

  1. Ganhar mais dinheiro de diversas fontes
  2. Economizar uma parte do dinheiro ganho
  3. Investir o dinheiro economizado em bons investimentos

Não se preocupe sobre ganhar e investir dinheiro nesse artigo, apenas em economizar. Como já dizia Benjamin Franklin:

“Se você pretende ser rico, pense em economizar tanto quanto em ganhar.”
―Benjamin Franklin

Bem, muitas pessoas me mandam e-mails falando que ganham pouco e que não conseguem economizar para consequentemente começar a investir na liberdade financeira delas.

Por isso, estou deixando alguns passos para conseguirem dar esse primeiro passo no seu planejamento. Mais do que economizar dinheiro, veja isso como uma parte de um objetivo maior. Logo, tudo isso pesará nas suas decisões.

Você sabe que eu tenho um tom de chacoalhar as pessoas para fazerem o que acham mais correto. Se você se incomoda com esse tom, imagine o tom que a vida trata você.

Bem, você está lendo esse artigo e a partir de agora é responsável pela sua própria autonomia. Além do seu objetivo principal, coloque a sua autoestima e individualidade em tudo que for fazer. Algumas coisas na sua vida nunca mais serão as mesmas depois desse artigo.

Tenha nervos, tenha força de vontade e mais do que tudo, tenha autoestima para bancar as suas decisões a partir de agora. Enfim, se segure porque pode ser pesado demais pra você!

 

#1 – Elimine suas dívidas de uma vez por todas

Elimine suas dívidas

“A dívida é a mãe prolífica de loucuras e crimes.” – Benjamin Disraeli

Você é escravo das suas dívidas. Lembro-me que Nicolau Maquiavel dizia que é perigoso libertar um povo que prefere a escravidão. Ou seja, isso é muito perigoso, mas eu vou correr esse risco por você, ok?

Vamos lá!

Se você não sabe qual é o custo de não fazer o planejamento das suas dívidas nesse momento, eu vou dizer: o custo de nunca pagar essas dívidas ou se conseguir pagar, será o custo de acreditar que sempre conseguirá pagar dívidas cada vez mais altas.

Às vezes, pagar as dívidas antes de começar a economizar pode não ser a melhor opção. Dependendo do tamanho das dívidas e do seu planejamento, a economia para fazer investimentos que garantam rendimentos futuros pode ser uma boa escolha.

Se eles forem superiores ou suficientes para quitar as dívidas já com os juros adicionados durante o tempo de retorno, tudo bem. Mas o recomendável é pagar primeiro as dívidas para iniciar a economizar para investir.

Cuidado, tudo dentro do planejamento e com a visualização e cálculos totalmente pensados. Os juros da dívida podem ser menores que os juros do investimento, consolidando uma ótima opção economizar primeiro.

Talvez até investir em conhecimento que te dê um aumento nos seus rendimentos no trabalho, no empreendimento ou criando novas formas de renda.

Dicas práticas:

  • Aumente seus rendimentos com outras fontes de renda
  • Pague primeiro as dívidas com juros mais altos
  • Repense o uso dos cartões de crédito
  • Procure ajuda de um conciliador de dívidas
  • Às vezes economizar antes de pagar as dívidas pode ser a melhor alternativa, desde que bem planejado

#2 – Determine quanto você terá que economizar

determine quanto economizar

Depois de quitadas as dívidas ou iniciado o momento de começar a economizar, determine quanto terá que economizar para começar a investir. Eduque-se sobre algum investimento já mencionado anteriormente por aqui e comece a investir.

Determine com quanto dá para começar a investir e quanto quer economizar. Algumas pessoas me perguntam com quanto já é possível começar a investir, ou dizem que não tem capital para comprar um imóvel, por exemplo.

Bem, existem outros investimentos, como ações, que dá para começar a investir com R$7,00. Existem outros, pesquise mais investimentos com baixo valor de entrada para começar a treinar o investimento.

Comece com valores compatíveis com a sua condição de economia. Se você só consegue economizar R$100,00 por mês para treinar investimentos, então economize isso. Por isso você tem que determinar quanto terá que economizar para começar a trabalhar no aprendizado dos investimentos.

Outra coisa é economizar para fazer cursos, comprar livros e participar de seminários. Algumas pessoas comentaram nos e-mails que alguns cursos são muito caros para elas no momento. Eu continuo achando que a ignorância é mais cara ainda.

Cuidado, desapegue da palavra “ignorância”, não seja egoísta em me xingar nos comentários. Ignorância é a falta de conhecimento sobre um assunto, não falta de inteligência.

Nesse caso, determine quanto tem que economizar para comprar um curso que ensine:

  • A aprender sobre um investimento que te dê uma renda sem esforço
  • Uma habilidade nova que vai aumentar o seu salário na empresa
  • Uma forma de economizar ou aumentar os lucros do seu empreendimento
  • Criar um novo negócio a partir do zero

De todas as maneiras, determine quanto terá que economizar para realizar alguma dessas ações, seja investir diretamente em investimentos ou em conhecimento valioso.

Só mais uma questão sobre investir em conhecimento:

Você pagaria R$4.000,00 (quatro mil) uma única vez em um curso que te ensinasse a ganhar R$4.000,00 (quatro mil) por mês?

Se a resposta foi :

Sim, com certeza, sem dúvida alguma e etc…

Então o conceito de caro não se aplica e não existe. Você pode não ter o dinheiro para comprar o curso, mas ele não é caro.

Quanto você tem que economizar para dar os próximos passos, que são ganhar mais dinheiro e investir dinheiro, para a sua independência financeira?

#3 – Registre suas despesas

registre suas despesas

Se você ainda não faz isso não vai saber onde pode cortar e reduzir custos. Registre os seus gastos mensais fixos como Internet, gás, mensalidades escolares e etc. Quando for pagando, vá marcando como pago.

Os gastos variáveis, como água e energia, registre assim que receber a conta. Registre tudo, todos os gastos com comida, saúde, com coisas baratas e caras. Você vai descobrir péssimos hábitos financeiros à medida que avalia suas despesas.

Muito importante: pague suas dívidas no início do mês e antes de gastar com qualquer outra coisa. Pague a si mesmo primeiro, para seu fundo de emergência e para investir, mas depois quite suas dívidas de imediato.

Se sobrar algum dinheiro, então você escolhe se quer gastar ou economizar mais para investir.

Você pode usar uma planilha financeira ou um caderninho, não confie tanto na sua memória. O importante é registrar e ter acesso constante para planejamento e conferência.

Pessoalmente, as planilhas são muito eficientes porque posso apagar e alterar, além de utilizar fórmulas e cores para diferenciar. Enfim, anote tudo e fique atento no que poderá cortar.

#4 – Corte suas despesas

Corte suas despesas

Com tudo anotado e identificadas as principais despesas, além dos gastos desnecessários, comece a cortar o que não é importante.

Não importa quanto você ganhe, inicialmente, o que importa é quanto você poupa para investir no seu futuro. Você vai ver que alguns gastos não fazem sentido e não passam de maus hábitos em outras áreas da sua vida.

Talvez você pense que deve deixar isso apenas para quando tiver mais dinheiro, quando tiver ganhando bastante grana. Você tem o direito de achar certo o que quiser, nós temos o livre arbítrio. Porém, deixe-me te fazer algumas perguntas:

  • Tem dado certo até agora?
  • Certo mesmo?
  • Como você gostaria ou apenas sendo levado dia após dia pela vida?

Olha só se você não está deixando a filosofia Zeca Pagodinho comandar a sua vida, hein?

Eu vou falar isso quantas vezes forem precisas: se o seu cafezinho, sua academia, sua barrinha de cereal, sua ida ao teatro, sua coleção de cachorrinhos na geladeira ou qualquer outra coisa for importante para te manter criativo, energizado e produtivo, não precisa cortar.

Não precisa economizar nos mínimos detalhes, apenas no que não é realmente necessário. Existem outras coisas você pode fazer para juntar mais dinheiro como economizar água, economizar energia elétrica e gastar menos gasolina indo ou oferecendo carona.

Como já falei, é uma questão de sua autoestima e foco no seu objetivo. Você saberá em que economizar. Sabe aquilo que faz mais de um ano que você diz que deveria parar de gastar dinheiro? Pois é, está mais do que atrasado.

Vou te dar um exemplo pessoal sobre foco e economia de dinheiro ao mesmo tempo.

Eu passei grande parte da minha vida pesquisando e estudando sobre nutrição, atividades físicas e desenvolvimento físico.

À medida que me informava mais, acabei decidindo cortar uma coisa que me fazia muito mal para a saúde: refrigerantes. Refrigerantes são vilões disfarçados de diversão.

Grandes marcas fazem tudo para que você beba refrigerante em qualquer ocasião do dia.

Eu era viciado em refrigerante.

Oh Deus, só você sabe o quanto eu bebia refrigerante escondido e só meu bolso sabia o quanto eu gastava para me satisfazer com mais de 5 colheres de açúcar por copo desse veneno.

Droga, além do mais, essas coisas são caras!

Aos poucos eu fui mudando esse hábito de beber refrigerante. Depois de cortado totalmente o hábito, percebi que estava sobrando dinheiro na minha carteira.

Às vezes eu achava dinheiro dentro dos meus bolsos de várias calças. Eu esquecia esse dinheiro lá ou de alguma forma tinha algo a ver com a economia que eu fazia para ter mais saúde.

Acho que essa é uma forma do nosso subconsciente nos recompensar pelo bom comportamento para com nossa autoestima e saúde.

Acho que ele diz algo como:

Vou deixar esse dinheiro aqui e fazer você esquecer para depois encontrar e se sentir bem melhor.

Cuidando da sua saúde você também economiza com medicamentos e consultas médicas no futuro. Eu falo tanto em bons hábitos em todas as áreas da vida porque eles já fizeram muito por mim e por várias pessoas muito bem sucedidas.

 

Veja abaixo algumas dicas para economizar dinheiro:

 

Vá de carona ou ofereça carona

Converse com seus amigos ou vizinhos que trabalham ou estudam no mesmo horário que você para combinarem dividir a carona. Ficando bom para todos.

Compre à vista quando conseguir desconto

Isso vale para tudo, mas sempre compre coisas que você realmente precisa e que não poderá passar o dia ou realizar seu trabalho sem isso. Compre sempre à vista porque as coisas são mais baratas do que à prazo e se você conseguir um desconto economizará um ótimo dinheiro para seus investimentos.

Compare preços na Internet

Essa é óbvia e quase todo mundo já faz. Busque os locais com os preços mais baratos e pare de gastar uma grana que poderia ser economizada. Outra possibilidade é comprar usado e em bom estado, requer mais pesquisa, mas você vai se sentir bem em ajudar a economizar também os nossos preciosos recursos da Terra.

Venda o usado para comprar o novo

Se você vai comprar uma televisão nova, tente vender a velha. Se ela está com algum defeito mande consertá-la, se não for muito caro, e venda-a. Ou ainda, venda para um desses lugares que consertam aparelhos eletrônicos.

Dessa forma estará recuperando um pouco do dinheiro investido no produto antigo e economizando a diferença na nova compra.

 

#5 – Pare de usar cartão de crédito

pare de usar cartão de crédito

Certo, algumas pessoas vão querer a minha cabeça por falar isso. Estou correndo esse risco pela maioria que vai entender.

Cartões de crédito não foram feitos para facilitar a nossa. Não foram! Não é para facilitar a maneira como você compra, é para facilitar a forma como os vendedores vendem.

Por favor, eu não quero ninguém que lê meus artigos usando o poder dos juros compostos contra si mesmo. Eu já expliquei aqui que nós devemos usar os juros dos investimentos/ativos, para conseguir gerar rendas passivas.

É isso que as operadoras de cartões de crédito estão fazendo às suas custas. O mesmo que você quer fazer para conquistar a liberdade financeira, você está deixando as lojas e as operadoras de cartão fazerem com você.

Você compra algo no cartão com um dinheiro que você ainda não ganhou a troco de pagar mais caro no longo prazo. Isso nos deixa satisfeitos de imediato, mas em um médio prazo já percebemos as dificuldades que passamos para pagar essas contas.

As taxas de anuidade e os juros dos cartões de créditos fazem o seu dinheiro valer ainda menos. A inflação no Brasil já é altíssima, as coisas e os serviços são cada vez mais caros. Então, use os juros compostos ao seu favor, não contra.

#6 – Pague a si mesmo primeiro

pague a si mesmo primeiro

Quem você quer enriquecer, as pessoas e empresas para quem você está devendo ou você mesmo? Bem, essa pergunta tem uma resposta simples, curta e de duas letras. Você responde: EU!

Você quer enriquecer você mesmo, é claro, e deve pagar primeiramente a dívida que você tem consigo mesmo: ter liberdade financeira.

Não basta guardar o dinheiro que sobra no final do mês. Faça o depósito na sua poupança assim que você receber o salário ou sua renda mensal. Comece poupando a quantia que você determinou lá no passo #2 em uma conta poupança.

Como poupar dinheiro é uma ótima maneira para começar se sentindo confortável, algumas pessoas permanecem na poupança para o resto da vida. O que é um erro.

Logo depois de criado o hábito de guardar dinheiro deve buscar investimentos de renda fixa que sejam mais lucrativos como o Tesouro Direto, por exemplo.

Nos investimentos de renda variável, destaca-se os investimentos no mercado de ações, que requerem menos capital, tempo e esforço para começar.

Junto disso, aprenda também as dicas e estratégias para aumentar rendimentos e buscar outras formas de ganhar dinheiro. Estou supondo que você já tenha uma fonte de renda mensal e está procurando poupar para investir.

 

#7 – Independência financeira em primeiro lugar

independência financeira

Você quer sua independência financeira. Você quer viver com a renda gerada por investimentos. Você quer ter mais tempo e liberdade para escolher em que, com quem e quando trabalhar. Então, para que isso aconteça você tem que colocar sua independência financeira em primeiro lugar.

As pessoas e situações vão querer te colocar contra o seu plano e isso será normal. Quando alguma pessoa ver que você está agindo diferente, elas vão querer que você volte a ser como era antes.

Se você saía constantemente gastando boa parte do seu dinheiro e agora está concentrado na sua liberdade financeira, as pessoas vão dizer que você está sumido. Vão dizer que você agora é mão de vaca. Que você não gosta mais delas. Nada disso importa.

O importante é que você estará intransponível no seu plano. Não tenha medo de dizer não. Se antes você fazia uma coisa que era prejudicial para sua saúde financeira era porque não tinha conhecimento.

O mesmo acontece com as pessoas que começam a tentar emagrecer. Logo aparecem as pessoas que querem que elas fiquem como estão para que se pareça com todo mundo da turma.

Se isso acontece em tudo que você tenta mudar, está na hora de repensar seu círculo social. Se tudo o que as pessoas fazem é tentar fazer você não mudar, então elas não merecem o seu tempo. Busque o contato com pessoas com os mesmos interesses que os seus.

Imagine o seguinte:

Quando está com algum dos seus amigos e você gasta muito dinheiro, o interesse em comum de vocês é gastar dinheiro.

Quando está com alguém e ele te orienta a enganar a sua dieta, o interesse em comum entre vocês é ganhar peso.

Procure pessoas que querem mudar e se organizar para atingir os mesmos objetivos. Dê mais atenção àquelas pessoas que te colocam pra cima e dizem que vai dar tudo certo.

Enfim, quando estiver prestes a gastar dinheiro com alguma coisa, pense:

Isso é realmente necessário ou vai atrasar a minha independência financeira?

 

Conclusões finais

Dependendo do seu grau de facilidade de lidar com seu dinheiro, economizar vai ser uma coisa fácil. Eu nunca me importei muito em comprar coisas desnecessárias, então pra mim sempre foi muito fácil economizar para investir.

Com um pouco de disciplina e atenção, economizar vai ficar fácil para você. A satisfação de poder investir dinheiro que vai trabalhar por você é muito grande. Porém, o primeiro passo é ter disciplina economizando.

Esse artigo foi uma resposta para muito e-mails que recebi.

Se você gostou desse artigo, deixe seu comentário falando as suas principais dúvidas. Compartilhe nas redes sociais para mais gente se beneficiar desse conteúdo grátis.

Envie para alguma pessoa que esteja na mesma jornada que você. Acho que ela vai gostar também!

 

A gente se vê nos próximos.

Lembre-se:

Sucesso é previsível!

 

 Crédito das imagens pixabay.com

  • kmilabk

    Acompanho teu blog com frequência e adorei a postagem.
    Sempre fui bastante econômica e só gasto com compras que são realmente necessárias, e faço de tudo pra comprar as coisas a vista, prefiro não comprar se não tenho o dinheiro. Tanto que apesar de possuir um cartão de crédito a 2 anos, nunca utilizei ele, apenas no débito.
    Mas desde que fui morar sozinha tenho sentido uma grande dificuldade de economizar, parece que nosso dinheiro desaparece! Isso que eu só gasto com aluguel, luz, internet e comida! E olha que faço o máximo pra economizar na comida kkkkk. E agora com o aumento da luz elétrica, meu Deus! Vem um absurdo, principalmente pra mim que deixo tudo fora da tomada e fico em casa apenas a noite…
    Enfim, tens alguma dica pra mim, que mesmo anotando todos os meus gastos e evitando gastar com coisas inúteis não consigo fazer sobrar dinheiro porque não tenho o que cortar de gasto? =(

    ótimo blog! abraço

    • Oi Kmila, que bom que acompanha o blog.

      Eu sei como é estar nessa situação, já passei por isso. E a solução pode não estar em tentar economizar mais. Olha só, existe um certo ponto em que os gastos necessários se igualam ao seu salário. Isso por conta da depreciação do valor do dinheiro pelo aumento em impostos (como no caso da energia, por exemplo).

      A partir desse momento, para poupar dinheiro para começar a investir será preciso aumentar e diversificar as suas fontes de renda. Recomendo que leia o seguinte artigo: http://habitosmilionarios.com.br/enriquecimento/4-formas-ganhar-mais

      Acredito que encontrará uma forma de aumentar sua renda.

      Um grande abraço!

  • Adri Sas

    Gente para ser bem sucedido devemos buscar todas as informações possíveis. Eu tenho apostilas para que vcs possam agregar conhecimentos, tanto em intercambio como ser bem sucedido, quanto em montar um negocio iniciar com colaboradores trabalhando para vc e ate a gerencia um negocio . Do zero ao sucesso. Qualquer apostila a partir de R$ 1,00 ( um real ) O sucesso não tem preço , toda informação para agregar conhecimento é valido. Mandem email adrisobrinho@gmail.com . Diga em que área tem interesse eu lhe dou a conta vc deposita envia o comprovante a aposlila vc recebe direto em seu email e o fedbaak estará sempre aberto . Sucesso a todos , Confie em quem atingiu seu sucesso antes dos 30 anos. Sucesso e trabalho andam juntos . Abraço !

  • Bruna

    Olá!! Adoro seus artigos! Parabéns pelo trabalho.

  • Paulinha Pinheiro

    Muito bom seu artigo. Eu comecei minha independência financeira há 3 anos atrás. Foi bem complicado deixar alguns hábitos, mas deu certo. Hoje moro em outro país e me adaptar com as financas do local, tbem foi dificil, tive que voltar a estava zero, mas estou no caminho… Com investimentos, ainda não sei bem como funcionam por aqui, mas descobri que imóvel não é um deles 🙂

    • Obrigado Paulinha,

      existe mercados de investimentos em qualquer país. Dependendo do país que você reside, tente saber como as pessoas de sucesso do país investem.

      Essa é minha dica, grande abraço!